Just another WordPress.com site

>Colorama + Risque….


>

Colorama leite de coco + Risque Rendas do Brasil Paetê…

Fiz o teste e adorei, a união de duas cores e marcas que eu amo, particularmente…

Francesinha Colorama Branco Purissimo + Esmalte Incolor

No meu conceito as mãos ficam lindinhas e delicadas…

Colorama Incolor
É uma escolha quase frequente minha…..ainda mais quando minhas unhas estaum compridas. Acho lindo….


Colorama Verniz e Cor Jaboticaba
Para a noite é o meu preferido…Agora no inverno tbm bem usado.Deixa um toque de sedução nas mãos e sensualidade….

Escolha sua cor preferida, e divirta-se …

Conhecendo um pouco sobre os Esmaltes

Em 1925 o primeiro esmalte de unhas – como o conhecemos hoje – foi lançado. Leia abaixo um resumo da história do esmalte. O culto à beleza das unhas entretanto, vem da antiguidade:

De 3500 a 3100 antes de Cristo, as egípcias tingiam as unhas. A princípio com a cor preta, depois, mais claras e com tons do marrom claro ao preto com henna. No Império Romano passou-se a valorizar o polimento das unhas, que em geral era feito com materiais abrasivos.

Já na China antiga as unhas compridas eram cultuadas como sinônimo de nobreza.

Tudo começo com lacas derivadas de goma e resina natural, dissolvidas em óleo. De secagem lenta, após a evaporação a película absorvia a poeira e saía com facilidade.

Já na idade moderna, em 1800 as unhas femininas apresentavam-se curtas, moldadas a lima, levemente arredondadas. Ocasionalmente eram perfumadas com óleo vermelho e polidas com couro macio

Em 1900 era comum usar tesouras e limas metálicas para dar forma às unhas. Para polir eram usados cremes colorantes e pós. Há havia um modelo precursor de esmalte de unha como o conhecemos hoje. Este esmalte era aplicado com um pincel de pelo de camelo, entretanto, este esmalte não permanecia mais que um dia nas unhas.

Mais e mais mulheres querem unhas brilhantes e usar abrasivos, pastas ou pós polidores.
Já em 1920 as estrelas de cinema são maquiadas de acordo com o “esquema de características infantis”: olhos destacados, bocas grandes, narizes pequenos, cabelos curtos e magreza de rapazes. Ainda não havia exatamente um esmalte de unhas. Entretanto, a indústria automotiva criou a base dele, desenvolvendo esmaltes para carros.

Finalmente foi lançado em 1925 um esmalte de unha transparente, em tom rosado. Ele é aplicado no meio das unhas – a meia lua e a ponta das unhas ficavam nuas. Para a responsável pela manicure na Metro Golden Mayer, então o estúdio de cinema mais popular dos Estados Unidos, Beatrice Kaye, os anos 20 e 30 eram os anos da manicure estilo meia lua.

A cutícula era removida e a unha preenchida apenas ao centro. Mais tarde o esmalte seria aplicado à unha, mas não na meia lua junto à raiz (a lua). Esa época proibia mulheres de reputação usar esmaltes muito chamativos, de cores fortes.

Em 1930 Rita Hayworth, Gloria Swanson e Jean Harlow promovem o uso de esmaltes internacionalmente.

Em 1932 Charles e Joseph Revlon dois irmãos americanos, mais um químico criam o esmalte brilhante e colorido com pigmentos, para ser aplicado na unha toda. Nasce a marca Revlon e eles promovem pela primeira vez a tendência de maquiar os lábios e unhas da mesma cor.

Em 1970 começa a década dos esmaltes sintéticos. As unhas tornam-se extremamente longas através de várias técnicas e estão na última moda.
Os esmaltes acrílicos são sucedidos pelos esmaltes de fyber glass em 1980. A decoração dos esmaltes não é mais limitada aos esmaltes – pedras preciosas e vários acessórios entram em uso. Surge a profissão de designer de unha.

Fonte :Internet…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: